19 set 18

Você sabe como melhorar os resultados da sua empresa?

Por Selma Vasquez

Você sabe como melhorar os resultados da sua empresa?

Veja como todo mundo pode usar a contabilidade para aumentar a riqueza do seu negócio.

Mesmo que você não atue no controle financeiro da empresa, a Contabilidade é uma ferramenta de gestão simples e poderosa para gerir as mais diversas áreas de um empreendimento.

Essas são as principais situações em que a contabilidade pode te ajudar de imediato:

  • Compreender como a empresa obteve e aplicou seus diferentes recursos;

  • Analisar a sua capacidade de pagamentos, tanto em curto quanto em longo prazos;

  • Acompanhar a rentabilidade de cada período e;

  • Definir as estratégias para obter o seu melhor desempenho.

Chegou a hora de falar sobre a tão desejada liquidez.

A boa liquidez de uma empresa, além de refletir sua saúde financeira, abre a oportunidade de crescimento em médio e longo prazos, contribuindo desta forma, para sua prosperidade, pois, é por ela, que compreendemos como a companhia está se preparando para fazer a cobertura das dívidas que assumiu.

Que tal uma rápida reflexão sobre a empresa em que você trabalha?

Vamos começar, analisando por enquanto, apenas o curto prazo da empresa. Veja no Balanço Patrimonial deste período, qual é o valor total dos ativos circulantes e, compare com as dívidas de curto prazo. É fácil!

Para isso, veja os valores que você tem em dinheiro (caixa e equivalentes de caixa), recebíveis (contas a receber de clientes), estoques e outros valores ligados ao curto prazo de atuação da companhia. E, compare com as dívidas relativas aos fornecedores, empréstimos e financiamentos que vencem neste ano, além das diversas contas a pagar do dia a dia…

Cabe lembrar que na contabilidade, o curto prazo é o período de até um ano; e, o que excede a esse período, será compreendido como longo prazo.

Por isso, você vai encontrar esses valores em duas áreas do Balanço Patrimonial: no Ativo Circulante (bens e direitos de curto prazo) e no Passivo Circulante (obrigações que vencem a curto prazo); ou mesmo, apenas no balancete deste período. O contador da sua empresa pode te dar esses números.

Próximo Passo: Conhecer o potencial de pagamento do seu negócio.

Use a seguinte a comparação:

Ativo Circulante dividido pelo Passivo Circulante.

Pronto! Com isso, você calculou a liquidez corrente de sua companhia.

Mas, e agora? Como ela poderá beneficiar seu empreendimento?

Se o resultado desta conta for maior que 1, você sabe que há uma possibilidade de cobertura do seu endividamento de curto prazo. Caso contrário, comece a pensar em estratégias para melhorar esses números.

Mas… Podemos ir bem além em nossa análise, acrescentando mais qualidade a essa simples informação. Aqui vai um desafio, ou uma lição de casa, como você preferir chamar:

  • Veja quais desses ativos (bens e direitos) de curto prazo realmente serão convertidos em dinheiro. Por exemplo, gastos antecipados trarão serviços e direitos, mas não se converterão em dinheiro. Por isso, neste momento de reflexão, tire esses números da sua conta.

  • Quais dívidas adicionam juros a pagar aos seus valores? Vamos separar as dívidas com custo financeiro das sem custo financeiro?

  • Agora, só para finalizarmos esta brevíssima análise, aplique novamente a comparação acima com esses novos valores. Estou certa de que sua conta ficará ao menos um pouco diferente, salvo raras exceções, não é mesmo?

Encontrou alguma ação para melhoria? Espero que sim! Se quiser, comentar a respeito, fique à vontade!

Os conhecimentos de contabilidade são cada vez mais essenciais à tomada de importantes decisões ligadas à gestão de um negócio ou investimento.

Pensando nisso, o ProCED FIA criou o Curso Contabilidade para não Contadores. O objetivo é oferecer aos participantes conhecimentos práticos e analíticos de contabilidade, como ferramenta indispensável para a gestão eficiente da pequena e média empresa.

As inscrições estão abertas! Quer saber mais? Clique aqui.


Voltar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *